sexta-feira, 3 de junho de 2011

Participante do furto ao Banco Central de Fortaleza é preso em São Paulo


Um dos participantes do furto ao Banco Central em 2005 em Fortaleza, Edésio Batista das Neves Sobrinho, foi recapturado, segundo informou a Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo anunciou nesta quinta-feira, 2.  Edésio é acusado de participação ativa no processo de escavação do túnel de acesso ao banco. Ele é um dos dez detentos que fugiram do Instituto Penal Professor Olavo Oliveira (IPPOO II), em Itaitinga, no início de fevereiro.  Além de Edésio, outros dois condenado pelo furto, Fernando Carvalho Pereira e Marcos Rogério Machado de Morais, também fugiram na mesma operação. A ação ocorreu durante a visita masculina, minutos após dois advogados solicitarem a presença de seus clientes. Apenas seis agentes penitenciários e três PMs trabalhavam no local.  O maior furto a banco da história do país ocorreu entre os dias 5 e 6 de agosto de 2005, na sede do Banco Central. Foram levados, ao todo, R$ 164,8 milhões em cédulas de R$ 50. 
 
Redação O POVO Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário